Melhores Moedores de Café 2019

Compartilhar:
maquina de moer cafe

Com toda a certeza você, como brasileiro, deve adorar uma boa caneca de café, não é verdade? Existem poucas coisas que deixam um brasileiro mais feliz do que tomar um cafézinho de manhã ou à tarde. E para um bom café, nada melhor do que moê-lo na hora com um moedor de café.

Mas como esse café chega em sua casa? Bom, ele tem que ser plantado, colhido e depois moído. E vamos falar hoje sobre essa terceira parte, a moagem. Para moer o café de forma eficaz e prática, você precisa ter um moedor em casa. Mas nem sempre as coisas foram tão práticas como elas são hoje em dia.

A história do moedor de café

maquina de moer cafeA história do moedor cafe é bem longa, e ela passa por diversas partes do mundo, assim como o próprio grão. Que tal saber um pouco mais sobre o moinho de café de antigamente? Ou do moedor de grãos manual e entender como foi surgir o tal do moedor elétrico de café? É só continuar lendo!

Você por acaso sabe o que o ex-presidente americano Thomas Jefferson, gregos, e árabes têm em comum, por acaso? Uma única coisa: o moedor de café antigo. Pode parecer besteira, mas é a mais pura verdade!

Esse utensílio básico passou por incríveis mudanças em toda a sua história, desde o primeiro modelo até a máquina de moer cafe mais atual. A primeira peça, uma pedra, é atualmente uma máquina que faz tudo pra você, até preparar o café.

Os primeiros moedores foram criados pelos árabes, lá em 1200 depois de Cristo. Eles usavam duas peças de pedra separadas para triturar o grão. Por outro lado, os gregos e os romanos fizeram as coisas um pouco diferentes. Eles adaptaram o design já conhecido dos moinhos de trigo para poderem usar o café neles também.

Esse moedor usava uma peça que parecia uma ampulheta, que era acoplada a uma outra peça que parecia um cone. A moagem então era realizada quando as duas partes fossem giradas lentamente. Por outro lado, os turcos e os persas apostaram em uma evolução para esse mecanismo. Lá por 1400 eles resolveram transformar os moedores de outras especiarias, geralmente movidos a manivela, para moer também os grãos de café.

A história foi se desenrolando e o café se tornou uma bebida amada por muitos ao redor do mundo inteiro. Mas onde que Thomas Jefferson entra nessa história? Bom, para sermos mais exatos, foi o seu dentista que começou a história toda. Ele teria sido o responsável pela patente inicial dos moedores dentro dos EUA. E também foi lá nas terras do Tio Sam que foi vendido o primeiro pacote de café já moído.

O primeiro moedor elétrico foi criado só em 1898, pela empresa da época Hobart Manufacturing. Durante vários anos essa empresa tomou algumas patentes, tentando melhorar a sua invenção até chegar no moedor que temos hoje em dia em diversas cafeterias.

Como funciona o moedor de café moderno

Conhecidos também como moinhos de café, eles servem para preparar o pó do grão. Eles são encontrados nos mais diversos tipos e modelos, criados para atender os mais diversos perfis e necessidades diferentes. Usados normalmente para o preparo do café espresso nas cafeterias e padarias do mundo inteiro, este tipo de equipamento vem se tornando um item mais e mais comum nas cozinhas do Brasil.

Sabe por quê? Porque o brasileiro já sabe que o café moído na hora é mil vezes mais gostoso! De forma básica, existem três modelos diferentes de moedores. O primeiro são os pequenos, para uso caseiro, com lâminas simples, que se assemelham a lâmina de um liquidificador.

O segundo são os pequenos moinhos, que podem tanto ser elétricos quanto manuais. O moinho flat, geralmente usado em cafeterias, tem duas lâminas diferentes e lisas, enquanto o moinho cônico, que é um pouco mais sofisticado, apresenta lâminas em formatos diferentes. Cada um deles funciona de uma forma diferente, mas bem semelhante. O que diferencia tudo aqui são as lâminas, já que cada uma delas mói o café de uma forma diferente.

Mas de forma geral, basta você inserir o grão inteiro, já torrado, esperar o moedor fazer o seu trabalho de forma rápida e eficaz, e depois aproveitar um cafezinho delicioso, feito completamente na hora!

Tamanhos e opções de design para moedor de café elétrico doméstico

Afinal, qual o melhor moedor de café? Essa dúvida é bem clara, e bem mais comum do que você espera. Todo mundo quer saber como escolher o melhor moedor de café, que seja excelente e também se enquadre em todas as suas necessidades. Marcas, regulagens de moagem, tamanho, tudo isso importa e depende também da finalidade que você quer dar para o moedor que você pretende comprar.

Se você é daqueles que tomam café apenas algumas vezes em casa, um tipo de moedor vai ser recomendado. Se você quer usá-lo em empresas ou até mesmo em uma cafeteria, outro aparelho bem diferente vai ser necessário. No fim, tudo vai depender da sua necessidade, mas vamos te falar um pouco de cada um dos principais modelos, e de qual uso é recomendado para eles.

O primeiro é o moedor pequeno, o de uso caseiro. Ele pode ser elétrico ou manual. Para quem quer uma experiência mais divertida, o moedor manual é recomendado. Por serem bem menores, eles são ótimos para te acompanhar em suas viagens, estar em sua casa ou em seu escritório.

Já os médios são para quem não tem tempo de ficar moendo nada manualmente. Sua lâmina é bem simples, e com esse equipamento o café é moído rapidamente, sem esforço algum. Para isso, basta você apertar um botão. A melhor parte disso é que alguns já vêm com a programação ideal para diversos graus de moagem. Dessa forma você consegue moer o grão da forma que mais gosta.

Por fim, o moedor de café grande, o profissional. Você geralmente o vê em cafeterias ou restaurantes. Ele é grande e robusto, e é feito para ser usado de forma contínua. No entanto, você precisa de certo conhecimento para efetuar todas as regulagens que são precisas.

Por conta de seu tamanho e sua complexidade, é recomendado que ele seja usado apenas de forma profissional. De forma geral, eles apresentam lâminas cônicas, que devem ser sempre reguladas em diferentes momentos, de acordo com a temperatura e também a umidade do ambiente em que se encontram.

Quando que um moedor de café se faz realmente útil para você?

Aqui vai depender da sua necessidade. Se você quer fazer uso caseiro, ele vai ser útil sempre que você desejar um café moído na hora, inclusive quando você estiver acampando, já que o ideal é que ele seja manual. Mas se você está pensando em abrir uma cafeteria ou um restaurante, o assunto muda, e muito. Aqui é que a real utilidade de um moedor de café profissional se faz mais presente.

Com uma máquina poderosa você vai poder ampliar o seu negócio, e ainda por cima fazer renome por conta de seu cafezinho delicioso. Até mesmo outros negócios podem fazer uso desse tipo de moedor de grãos de café, já que ele é como se fosse um pequeno mimo para seu cliente, mostrando o quanto você se importa com ele e o quanto quer que ele se sinta em casa.

Um moedor de café portátil não vai te trazer toda essa facilidade. As utilidades de um moedor vão aparecer quando você realmente estiver sentindo necessidade dele, e ele vai se adequar ao que você precisa.

Por exemplo, um moedor portátil manual pode ser excelente em um acampamento, quando você não tem nada em mãos além do próprio moedor e o grão. Mas por outro lado, um moedor profissional vai ser excelente se você estiver querendo servir café moído na hora para muitas pessoas.

Como escolher a sua maquina moer cafe

moedor cafeMais uma vez, você vai ter que primeiro levar em consideração qual a utilidade dessa máquina para você. Vai ser de uso doméstico? Ou por acaso você quer usar sua máquina em uma cafeteria ou padaria? Depois de ter determinado para quê você quer usar a sua máquina de moer café, é hora de escolher um modelo.

O modelo vai depender de algumas coisas, dentre elas, o orçamento que você tem para comprar sua máquina. Claro, se você tiver um orçamento enorme e quiser comprar uma máquina profissional para ter em casa, nada te impede.

Mas geralmente esse não é o caso, e você acaba precisando comprar uma máquina que esteja dentro de suas expectativas. Para isso é necessário fazer uma grande pesquisa. Nessa pesquisa, você deve escolher os melhores modelos que você encontrou dentro da categoria que é ideal para você.

Tendo em mão cada um dos modelos, é hora de você procurar por opiniões. A internet é um excelente lugar para você procurar por opiniões de produtos, sejam eles os mais diversos. Cada produto vai ter vários reviews, e dessa forma você vai poder comparar, pelas palavras de quem já usou o produto, qual deles é o melhor para a sua situação atual.

Escolhido o produto, faça uma boa filtragem, e pense duas vezes antes de sair comprando, já que você vai estar investindo em um item que vai durar muito tempo, então é bom que ele seja um item de qualidade e que esteja dentro de todas as suas necessidades.

Dicas para usar o seu moedor cafe eletrico de café

Se você ama café e quer moer o seu próprio grão, aqui estão algumas das melhores dicas que você vai encontrar! Vamos começar do básico. O grão do café serve como uma proteção para os sabores e aromas, e para ter acesso a essa deliciosa mistura é preciso que você consiga romper a casca e depois hidratar o conteúdo com água quente. Mas qual a melhor forma de quebrar o grão?

Saiba que todo o potencial saboroso do café é aproveitado ao máximo quando você mói o grão na hora. A qualidade da extração também vai depender do frescor do grão. Quando o grão é triturado, o processo de oxidação se inicia, e isso afeta o resultado da sua bebida. Existem diversos modelos de moedores de café, como você já viu anteriormente.

Você deve entender um pouco de café para poder usar o potencial do seu moedor ao máximo. A grande maioria das pessoas simplesmente mói e depois passa o café, mas as coisas não são bem assim.

Você tem que saber o tipo de moagem específica para cada tipo de preparo de café, e entender isso pode levar algum tempo. Existe a moagem fina, a média, a grossa, a média fina, extra fina e por aí vai, cada uma específica para um tipo de preparo em especial.

Aprenda qual deles é o que mais te agrada, e depois você só precisa regular o seu moedor para a moagem ideal. Geralmente esse procedimento é indicado no manual do produto, para que você possa aproveitar ao máximo o seu café. Depois disso, você vai poder usar o seu moedor ao máximo de seu potencial, assim tornando o seu cafezinho de todos os dias muito mais saboroso, tanto pra você quanto para quem você quiser servi-lo.

Não existe nada melhor do que chegar em casa, seja na sua ou na de alguém, e ter um cafezinho delicioso te esperando com um bolinho. Esse tipo de coisa realmente faz a gente ficar feliz, não é verdade? É nesses momentos que ter um moedor nas mãos para fazer um café moído na hora é tão importante. Transforme o seu momento de tomar café no dia a dia em um momento especial para você mesmo!

Esse é um luxo que você pode ter em sua casa, mas para quem quer abrir uma boa padaria ou cafeteria, é uma necessidade iminente ter um moedor de grãos a disposição. Para esse tipo de estabelecimento, o que realmente importa é ter um bom renome, e isso começa com um bom atendimento e um bom produto a ser ofertado. Faça esse investimento e veja você mesmo como as coisas vão mudar!

Compartilhar: